Abrir um novo negócio em 2019: por onde começar?

Comunicação
O ano de 2019 promete ser interessante para quem pensa em investir em franquias. Uma pesquisa divulgada pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), revela que no segundo trimestre de 2018 o franchising brasileiro apresentou alta de 8,4% no faturamento comparado com o mesmo período de 2017. Segmentos como entretenimento e turismo ficaram entre os destaques.
Além disso, segundo dados do IBGE, o PIB no Brasil registrou, no segundo semestre deste ano, o maior crescimento desde 2017 e a expectativa é que isso se mantenha no próximo período.
O crescimento econômico deixa os empreendedores esperançosos e motivados para iniciarem novas empreitadas. Mas além disso, é preciso analisar outros fatores importantes que vão ajudar a trazer sucesso nos negócios, como as novas tecnologias, comportamento do consumidor e modelos de negócio.

Os segmentos de destaque em 2018
  O segmento com maior destaque durante o segundo trimestre de 2018 foi o de 

entretenimento e lazer, com um crescimento de 16,1%  em faturamento

E em segundo lugar o ramo de hotelaria e turismo, com um aumento de 14,6%  no faturamento, ambos comparados com o mesmo período de 2017.

Outro segmento com um grande crescimento foi o de 
Casa e Construção, com 11,3%  de variação, comparado com o mesmo período de 2017.   "É claro que os empreendedores precisam manter a calma e planejar bastante, pois, ainda que a economia esteja crescendo, o ritmo é lento" afirma Maria Luiza Bruffato, especialista em franquias e negócios na Franquiaz.   No entanto, os sinais indicam que é possível começar 2019 com o pé direito no setor de franquias. Um dos diferenciais para alcançar bons resultados no setor, segundo a ABF, é investir em inovação e tecnologia. Isso significa que os empreendedores com mais chances de sucesso são aqueles que ousarem e arriscarem um pouco.

Como começar uma franquia em 2019
Para quem quer entrar no mundo das franquias em 2019, é importante estar atento a essas informações: buscar inovar e agregar valor diferenciado ao serviço e aos produtos.
O uso de tecnologias para fornecer soluções interessantes para vendedores e clientes já é uma realidade e promete aumentar, segundo o balanço da última ABF Expo 2018. Cresce o uso de facilitadores como a possibilidade de efetuar compras e pagamentos pela internet e os serviços delivery.
Diversos setores tradicionais estão se reinventando, como as empresas alimentícias que investem em cardápios inteligentes. Há também uma tendência de franquias de custo reduzido, as chamadas "franquias light".
Os novos formatos, que vão além dos quiosques, como carrinhos, containers e as lojas dentro de outras lojas, também representam uma inovação que tende a crescer nos próximos anos.
"Avaliar a sinergia com o modelo de negócios da franquia. É essencial ter muito foco e dedicação para criar um negócio de sucesso" complementa Maria Luiza.

Novas tecnologias e consumidores mais exigentes
De acordo com o Caderno de Tendências para 2019, do SEBRAE, para se destacar é preciso estar atento para quatro macrotendências no próximo ano que são: sociedades e economias inteligentes; os novos comportamentos de consumo; a gestão para o futuro; e as experiências reais.
Basicamente, isso significa ir em busca de conhecer melhor o público. Os consumidores estão cada vez mais exigentes e cada vez mais preocupados com as políticas das empresas em relação à representatividade. Além disso, se sentem atraídos por soluções inteligentes que facilitam sua vida.
Portanto, quem quer investir em franquias no ano de 2019 deve continuar atento a questões fundamentais como viabilidade financeira do negócio e afinidade com o produto, mas também com as possíveis inovações que pode agregar à sua atividade.
Fonte: www.franquiaz.com.br